Troca de embreagem: como identificar a necessidade no carro?

A embreagem é uma peça fundamental do motor do carro. Quando ela não se encontra em bom estado de funcionamento ou mesmo apresenta algum defeito, é preciso trocá-la o quanto antes.

Mas como identificar a necessidade dessa troca antes que algum inconveniente ou mesmo antes que um acidente aconteça? Basta ficar atento, pois seu próprio carro lhe dará sinais de que chegou a hora de realizar a troca de embreagem. Quer saber quais são? Então, continue a leitura e fique de olho!

1. Ruídos ao trocar de marcha

Ouvir um ruídos parecidos com o som de algo sendo arranhado é um dos sinais mais clássicos de que a embreagem precisa ser trocada.

Isso acontece quando você troca de marcha? O som não vai embora mesmo que você pise fundo no pedal da embreagem? O ruído é consequência da incapacidade do conjunto de abrir o suficiente para parar o câmbio.

2. Pedais duros

Outra consequência bastante característica da necessidade de troca da embreagem é a dureza dos pedais.

Se você sente o pedal da embreagem duro e pesado quando pisa nele, é porque há desgaste entre o atuador e as molas do platô. O endurecimento do pedal é especialmente perigoso, pois ele pode falhar quando você mais precisar dele!

3. Trepidação do carro durante a condução

O desgaste da embreagem pode fazer com que o platô e/ou o disco empene.

Caso isso ocorra, você perceberá uma trepidação do carro durante a condução quando você muda de marcha. Fique atento para não perder o controle do carro e providencie a substituição da embreagem o quanto antes!

4. Veículo patinando

Subir ladeiras também se torna uma tarefa complicada quando é hora de fazer a troca de embreagem.

Assim, ao tentar realizar a façanha, você sentirá que o carro perdeu as forças. Mesmo assim, enquanto isso, a rotação do motor vai subir consideravelmente. Se isso acontecer, além de desgastada, é bem provável que sua embreagem esteja queimada.

Quando isso acontece, além da “patinação”, você também poderá perceber a exalação do cheiro característico de amianto queimado. Ele permanece por um bom tempo tanto dentro quanto fora do veículo, portanto, procure um mecânico imediatamente para trocar seu kit de embreagem!

5. Quilometragem rodada

Como já mencionamos, nem sempre a embreagem precisa ser trocada por motivo de quebra ou defeito. Assim como qualquer outra peça, ela tem uma vida útil que deve ser respeitada para garantir seu conforto e segurança dentro do carro.

A cada 40 mil km rodados, você deve procurar um mecânico para avaliação da embreagem. Se necessário, já efetue a troca, mas essa visita pode ser apenas de acompanhamento.

De qualquer forma, entre 50 mil km e 100 mil km rodados, é imprescindível substituir o kit de embreagem. Fique atento para o modelo e o ano do seu veículo, pois essas características influenciam na duração da vida útil da embreagem.

Mas não deixe de fazer a avaliação ao atingir os 40 mil km, combinado?

E então, gostou de entender melhor como descobrir se chegou a hora de fazer a troca de embreagem? Quer mais dicas para cuidar cada vez melhor do seu veículo e se aventurar pelo mundo dos carros? Siga-nos no Facebook e no LinkedIn para acompanhar todo o nosso conteúdo e novidades!


Warning: include(/index.php): failed to open stream: No such file or directory in /home/grupoaut/public_html/blog/wp-content/plugins/social-share-button/includes/class-shortcodes.php on line 41

Warning: include(): Failed opening '/index.php' for inclusion (include_path='.:/usr/local/php73/pear') in /home/grupoaut/public_html/blog/wp-content/plugins/social-share-button/includes/class-shortcodes.php on line 41